Segunda colocada no 6º prêmio do Objeto Brasileiro, promovido pelo Museu A Casa do Objeto Brasileiro em 2018, a bolsa Lourdes é inspirada no melhor amigo das bordadeiras, o bastidor. A peça, que é costurada à mão na técnica dos artesãos seleiros do interior do Nordeste, é feita em couro legítimo, de origem caprina, curtido em tanino natural, livre do uso de metais pesados em seu tratamento e proveniente de produção cooperativa do interior da Paraíba.

 

Sua forma denota uma moldura ao bordado boa-noite, desenvolvido pelas artesãs bordadeiras de Entremontes, confeccionado com linha de algodão em tecido 65% linho e 35% viscose, tingido com cascas de bonome, espécie encontrada no bioma Caatinga

 

Acompanha alça tiracolo ajustável e trançada artesanalmente por Seu José Correia Nunes, artesão e morador do povoado de Entremontes

 

Bordada e trançada em Entremontes, AL, Brasil.
Desenhada, modelada e costurada em São Paulo, SP, Brasil

 

Coloração atingida à partir do extrato de pigmento da casca do Bonome

 

Medidas:
Diâmetro: 21cm
Profundidade: 7cm


 

Composição:
Bolsa: 100% couro caprino

Bordado: 65% linho; 35% viscose

 

Política de trocas 

Cuidados e manutenção

bolsa Lourdes • bonome

R$ 500,00Preço